(plena)mente em silêncio

.. já estamos em Março. passou-me pela mente estar a falhar com o meu compromisso de blogar e de partilhar ideias. pensamento passageiro. continuo cá, presente.

um blog, este blog, não tem de viver preenchido de palavras ocas, lapalissadas e lugares comuns, só porque a velocidade do mundo assim o dita e o blog da vizinha é mais agitado que o meu. ainda que a única mensagem que tenha deixado por cá nas últimas semanas sejam pedaços de silêncio, está fora de questão jogar conversa fora. e este silêncio não é desperdício. é desejado e alimentado a vazio. vazio de informação, aquele que alarga a mente e dá espaço à reflexão, dá lugar à tranquilidade, deixa escapar a imaginação e suspende as ideias até estarem prontas, a cair de maduras.

este silêncio é avesso à passividade, move-se em contínuo processo interior, transcende verbos e não há palavra que lhe caiba. é um silêncio que ao não dizer nada, pode falar de tudo e merece respeito, foi ele que deixou cair esta ideia…

Para receber o seu workbook gratuitoPôr em prática a Atenção Plena”

Anúncios

qual a sua opinião?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s